terça-feira, 30 de junho de 2015

A Tática do Papa Léguas - Argumentos que cometem suicídio [Atualizado: 12/10/16]


A tática do Papa-léguas possui esse nome porque é demonstrado, através dela, que uma afirmação ou argumento não pode se sustentar nem em si mesma. É a aplicação de uma afirmação a si mesma. Quando se faz isso, aquele que afirma percebe que sua declaração não pode se manter, independente do argumento usado para chegar a ela. Assim como o Coiote no desenho. Ele achava que estava indo muito bem em sua estratégia para capturar o Papa-Léguas, mas o Papa-Léguas usa a estratégia do Coiote contra ele mesmo. Assim, ele percebe que mesmo fazendo uma grande elaboração, seu resultado falhou. Da mesma forma, existe uma série de argumentos que refutam a si mesmos. Mesmo que se de uma enorme justificativa para eles, a conclusão se volta contra si mesma, provando-se falsa.
A seguir, uma lista de argumentos que refutam a si mesmos:

segunda-feira, 29 de junho de 2015

“Cristãos são maus, portanto o Cristianismo é falso” – Uma Resposta


Nos dias de hoje, é comum ver pessoas dizendo coisas como “esses evangélicos intolerantes malditos contra a liberdade” ou “pastor ladrão, roubando o dizimo dos outros pra comprar carro”. Mas, será que os abusos de pessoas religiosas torna a religião delas falsa?
Textos que podem ser uteis (leia antes ou depois de ler esse, se quiser):

sábado, 27 de junho de 2015

Refutando o Argumento Contra Milagres de David Hume


Um argumento bem famoso contra milagres, é o de que milagres são violações das leis da natureza, e que por serem extremamente raros, não devem ser cridos. Em meu texto resposta ao vídeo de Antônio Miranda sobre Jesus, um dos comentários foi “me de evidencias cientificas de que alguém pode andar sobre a água, transformar água em vinho, etc” (ou algo do tipo). Esse argumento é reconhecido na filosofia moderna como extremamente falacioso.

quinta-feira, 25 de junho de 2015

“O Novo Testamento passou pelo jogo do telefone sem fio” – Uma Resposta

Tirinha da página "Um Sábado Qualquer"

Teria o Novo Testamento passado pelo “telefone sem fio”? Teria Jesus dito “goiaba” e chegou a nós como “peixe”? Será que a famosa brincadeira se aplica a forma como os Judeus-Cristãos transmitiram os ensinamentos de Jesus?

Porque o filme “Evolução vs Deus” é horrível.


Talvez o filme mais amado pelos criacionistas (não todos) seja “Evolution vs God: shaking the foundations of faith” [Evolução vs Deus: balançando os fundamentos da fé] onde o repórter Ray Comfort entrevista varias pessoas e faz perguntas como “consegue me dar uma evidencia observável de evolução Darwinista?” ou “esses peixes evoluíram mas continuaram peixes” e coisas do tipo.

quarta-feira, 24 de junho de 2015

Estamos no Sétimo Dia ou no Oitavo Dia?



[Atenção: Leve tudo o que esta escrito aqui como uma "ideia interessante". Não sou teólogo, apenas um cara que gosta de "brizar" nessas coisas]
Qualquer Criacionista de Terra Antiga (exceto os que creem na teoria da lacuna) vão dizer que estamos no sétimo dia ou no oitavo dia. Existem evidencias para ambas as posições, então vamos avalia-las.

terça-feira, 23 de junho de 2015

Teria Deus Comandado Genocídio?


De acordo com a Bíblia, Deus ordenou aos Israelitas que matassem os cananeus. Homem, mulher, crianças... todos deveriam morrer. No entanto, isso nos deixa com um problema: Se Deus é moralmente perfeito, como pode Ele ter ordenado tal coisa horrível e maldosa?

segunda-feira, 22 de junho de 2015

Refutando Objeções “de igreja” contra o uso da apologética



Eu estava no grupo Christian Apologetics Alliance certo dia, discutindo sobre o uso de apologética em igrejas e tal. E então, nós começamos a bater papo sobre pessoas de igreja que são contra o uso da razão e a apresentação de evidencias para o Cristianismo. O consenso que chegamos é que a maioria dessas pessoas não sabe o que é a apologética.

"Se Deus sabe o futuro, como podemos ter livre arbítrio?" - Uma Resposta


Se Deus sabe o futuro, e não pode errar, então como podemos ser livres? E se não somos livres, como podemos ser responsáveis pelos nossos atos e pecados? Se tudo é determinado pela presciência de Deus, então não somos responsáveis... Certo?

sábado, 20 de junho de 2015

A Existência de Deus #16 - O Argumento da Consciência


O que é a mente? O que é a consciência? O que é o "eu"? Será que somos apenas rearranjos de partículas, similares a rochas e a cadeiras? Ou será que temos algo a mais do que essas coisas? Teria algo em nós que nos da a vida e nos faz pensar, raciocinar e ser livres?

sexta-feira, 19 de junho de 2015

Seria o Big Bang contrario as Leis da Termodinâmica?



De novo, a reciclagem de argumentos anti-bigbang. Algum tempo atras, eu escrevi esse texto em resposta a um vídeo do físico Adauto Lourenço. Nesse outro, eu respondi ao mesmo argumento em uma coletânea de respostas a argumentos anti-bigbang. Agora, resolvi escrever outro texto, falando do porque esse argumento de Termodinâmica vs o Big Bang só funcionaria, no máximo, em uma visão de mundo ateísta.

quinta-feira, 18 de junho de 2015

A Existência de Deus #15 - O Argumento da Verdade


O Argumento da Verdade baseia-se na existência de verdades eternas que são incapazes de serem produtos da de mentes finitas. Esse é outro argumento que eu não defendo, pois não compartilho da visão Platônica de conhecimento. Porem, ele foi escolhido porque tem gente que pensa diferente de mim. (Assim espero, pelo menos.)

quarta-feira, 17 de junho de 2015

Os Pilares da Ciência #4 - Descrições Precisas



Ciência envolve Descrições Precisas

Para ser capaz de confirmar ou eliminar algo no nível alto da credibilidade associada a Ciência, uma hipótese deve ser apresentada de uma forma que seja precisa o bastante para fazer testes definitivos. E se uma hipótese cientifica não for e testável experimentalmente no presente, uma formulação precisa ajuda a indicar maneiras para que ela possa ser testada no futuro. Se o experimento for capaz de fazer todo mundo eventualmente concordar sobre se a idéia funcionou ou não, então as palavras que são expressas não deveriam significar coisas diferentes para pessoas diferentes.

terça-feira, 16 de junho de 2015

Teria o Apóstolo Paulo inventado/fundado o Cristianismo?


Uma objeção comum ao Cristianismo que os céticos trazem, é a de que Paulo inventou o Cristianismo, ou que ele mudou os ensinamentos do Jesus histórico. Seria esse o caso? Será mesmo que Paulo inventou o Cristianismo?

segunda-feira, 15 de junho de 2015

Seriam interpretações diferentes de Gênesis motivadas por “outra autoridade”?


Uma acusação comum contra visões diferentes de Gênesis é a de que “são motivadas pela ciência”. Quem usa esse argumento quer dizer que, quem interpreta Gênesis de forma diferente, esta sendo motivado por algo de fora, dando a esse algo mais autoridade que as Escrituras.

sábado, 13 de junho de 2015

Sobre moralidade #9 - Uma (Mini) Critica ao Niilismo


Niilismo é a visão de mundo de que não existe certo e errado, bom e mal/ruim. Um Niilista que for ateísta também crê que não há valor ou sentido na vida. Alem disso, o Niilismo é a afirmação “positiva” de que valores e deveres morais objetivos não existem.

sexta-feira, 12 de junho de 2015

7 Dicas de Como Engajar Céticos Como Paulo Fez em Atenas


Por Mikel Del Rosario – Professor de Apologética

Traduzido de: Apologetics Guy – 7 Tips on Engaging Skeptics Like Paul Did in Athens

Traduzi juntando todas as três partes.

quinta-feira, 11 de junho de 2015

Richard Dawkins vs Richard Dawkins


Quem ganharia um debate entre Richard Dawkins e... Richard Dawkins? Especialmente se o tópico fosse a existência de valores e deveres morais objetivos. Quem teria a razão?

Reflexões sobre o filme "A Teoria de Tudo"


Só agora, depois de um tempo, eu assisti o filme A Teoria de Tudo [The Theory of Everything] e resolvi escrever sobre algumas coisas ditas no filme sobre Deus, cosmologia e o Big Bang.

segunda-feira, 8 de junho de 2015

O Argumento Evolucionista contra o Naturalismo




Quando ouvimos de alguma nova tentativa de explicar a razão... de forma natural, nós deveríamos reagir como se nós fossemos ditos que alguém deixou um circulo com quatro lados. – Peter Gearch, “The Virtues”, p. 52

quarta-feira, 3 de junho de 2015

“A Bíblia nunca nos manda fazer apologética” – Uma Resposta



Recentemente eu ouvi a seguinte frase: “A Bíblia nunca nos manda fazer apologética”. Nesse texto, eu vou responder a essa afirmação. (Leia também esse texto.)

Os piores argumentos contra o Teísmo #18 - "Ninguém acredita em Deus!"


As vezes, eu me surpreendo com a genialidade das pessoas na internet.

A Existência de Deus #14 - O Argumento da Introspectiva


[Nota: Apesar de eu discordar em partes do Inspiring Philosophy, eu achei interessante compartilhar esse argumento. Enjoy.]
Estudos recentes da física quântica nos mostram que a matéria não pode existir sem um observador. Diversos estudos comprovam isso. Porem, nós podíamos ver as implicações da mecânica quântica na nossa frente o tempo todo.

terça-feira, 2 de junho de 2015

Sobre João 1:1 - "era Deus" ou "era um deus"?


Testemunhas de Jeová e outros grupos anti-Trindade usam, surpreendentemente, João 1:1 para dizer que a Trindade não é Bíblica.

segunda-feira, 1 de junho de 2015

Teria o Apóstolo Paulo rejeitado a filosofia?


Uma objeção comum contra o uso de filosofia e, consequentemente, uma parte da apologética, é a de que Paulo rejeitou a filosofia e mudou completamente de estratégia com os Coríntios. Então, seria esse mesmo o caso? A Bíblia nos diz que a filosofia é ineficiente?