terça-feira, 12 de maio de 2015

Criacionismo Progressivo #8 - Jesus era um Criacionista de Terra Jovem?


Esse é de longe o pior argumento que eu já vi para dizer que o Criacionismo de Terra Jovem é exigido na Bíblia. Simplesmente porque para ele funcionar, a passagem tem que estar fora de contexto e sem analise das palavras em grego e sem avaliação do texto paralelo. Dessa forma, violando três normas de exegese bíblica.


Jesus era um Criacionista de Terra Jovem?


Contexto, por favor.

Esse argumento usa as palavras de Jesus em Marcos 10:6, onde Jesus diz:

“Mas no princípio da criação Deus ‘os fez homem e mulher’.” - Marcos 10:6

No entanto, essa passagem esta completamente fora de contexto. Quando lemos o texto completo, vemos que Jesus esta falando em contexto de casamento e divorcio:

“Eles disseram: ‘Moisés permitiu que o homem desse uma certidão de divórcio e a mandasse embora’. Respondeu Jesus: ‘Moisés escreveu essa lei por causa da dureza de coração de vocês. Mas no princípio da criação Deus ‘os fez homem e mulher’.‘Por esta razão, o homem deixará pai e mãe e se unirá à sua mulher,e os dois se tornarão uma só carne’. Assim, eles já não são dois, mas sim uma só carne.Portanto, o que Deus uniu, ninguém o separe’”. - Marcos 10:4-9

Em Grego

A palavra para “criação” traduzida do grego é “ktisis”, que tem vários outros significados. “Ktisis” pode se referir a seres criados, criaturas, instituições ou ordenanças.
No versículo paralelo a Marcos 10:4-9, que é Mateus 19:4, vemos o seguinte:

“Então chegaram ao pé dele os fariseus, tentando-o, e dizendo-lhe: É lícito ao homem repudiar sua mulher por qualquer motivo? Ele, porém, respondendo, disse-lhes: Não tendes lido que aquele que os fez no princípio macho e fêmea os fez, E disse: Portanto, deixará o homem pai e mãe, e se unirá a sua mulher, e serão dois numa só carne? Assim não são mais dois, mas uma só carne. Portanto, o que Deus ajuntou não o separe o homem.” - Mateus 19:3-6

Aqui, a palavra usada não é ktisis, mas sim o verbo ktizo, que significa “criar”. Jesus aqui simplesmente fala do inicio da criação dos humanos ou do casamento. Isso é claro pelo contexto.

Jesus cita a parte menos literal

Outra coisa que dizem é que esse verso é usado para dizer que Jesus falou que Gênesis era literal. No entanto, Jesus claramente cita a parte mais simbólica de Gênesis 2. Se Jesus estivesse dizendo que Gênesis é literal, então teríamos que aceitar que quando um casal tem relações eles se tornam um só corpo.

Foi no fim do período de criação

O período de criação, na visão de Terra Jovem, é de seis dias de 24 horas. O inicio seria o primeiro dia, o meio o terceiro e o final o sexto. Quando “macho e femea” foram criados? No sexto dia. No final do período de criação. Então, se o Criacionista de Terra Jovem quiser usar esse verso para dizer que Jesus estava falando de criação, vai ter que admitir que Jesus estava errado.
A única resposta que eu vi pra esse argumento é que “Jesus estava se referindo ao principio, e os seis dias foram o principio da criação”. Porem, os seis dias seriam o principio de tudo, não do período de criação. Se o homem estava no principio, o que estava no final da criação?


Conclusão


Jesus nunca falou nada sobre a idade da Terra ou do Universo. Ele falou sobre o plano inicial de Deus para o casamento. Usar as falas de Cristo fora de contexto para provar seu ponto, além de ser heresia e desonesto, é pura apelação de quem não tem mais argumentos.

Um comentário:

  1. Muito bom o blog.
    "Se o homem estava no principio, o que estava no final da criação?"
    Acredito que ao se tratar de criação, fala-se das coisas criadas. Olhe ao redor e perceba que tudo é criação e que não chegou ao fim. Se temos o pressuposto que as coisas que existem foram criadas por Deus, então o tema que você parece querer abordar é o PROCESSO de criação.

    "Mas no princípio da criação". Não quer dizer que a criação acabou no sexto dia. Ali terminou o processo, pois nada mais foi criado depois do sexto dia. Porém a criação ainda existe. O princípio da criação é exatamente o que você falou: "o principio de tudo". Mas as coisas ainda existem, que quer dizer que não chegou ao fim ainda.

    Meio louco, mas espero ter conseguido explicar meu ponto de vista.

    ResponderExcluir